Cartas para : Mãe !

Olá mãe, esta carta é para ti! Mais uma ano que nos encontramos separadas num dia que é tão importante celebrar a vida... Lembras-te do primeiro ano que foste para longe? A dificuldade que é controlar a saudade e a perspicácia do choro que vem lentamente por não poder partilhar um dia tão especial com quem mais amamos. Primeiro o teu dia e exatamente quinze dias depois o meu e aí sim, a solidão rebenta como uma melodia sombria que parece não acabar... do que adianta ter mil sorrisos, mil felicitações, se aquele sorriso e aquele abraço está longe e não temos como alcança-lo?? 
Assim foram 3 aniversários teus, 3 aniversários meus...

MAS...



Imagina se houvesse apenas uma flor no mundo todo. Todos iriam querer cuidar dela, todos iriam querer apreciar a sua beleza, todos iriam adora-la como Deus, todos iriam conhecer a beleza que existe na vida da forma mais singela. Mas a realidade é que temos tantas flores que nos esquecemos de perder 5 minutos a adora-las, a olhar a mais complexa beleza que a natureza nos proporciona. Mas tu não, tu consegues adora-las de forma individual, consegues sentir o seu aroma sem nunca ter tocado numa, consegues ser feliz vendo a biblioteca de fotografias que guardas para ti das flores mais singelas e mais puras que vais encontrando pelo caminho. Parece uma metáfora, não é? Mas é a realidade, consegues sentir a magia que elas te transmitem? Pois bem é essa mesma magia que me transmites! 
Olho para ti como uma flor, a única no mundo! Aquela que eu quero cuidar,  que quero ter por perto, fazer dela um Deus! Tu és única mãe, e és tão especial que apenas tu não vês isso, nascente com o dom de encantar todos aqueles merecedores do teu amor...




...Imagina se a lua coubesse num quarto... todos iriam querer roubá-la para enfrentar os fantasmas da noite e o medo das sombras porque quando olhamos para ela todas as noites cá de baixo, sentimo-nos protegidos, sentimos que podemos pedir todos os desejos do mundo que ela vai realizar. E porque? Porque na escuridão da noite é ela a única luz, uma luz honesta de algo inalcançável e isso faz de nós sonhadores. Pois bem mãe, apesar de eu ser bastante amiga da lua e falar com ela algumas vezes, sinto que tu és a minha luz, aliás sempre foste, não preciso ter-te num quarto mas preciso ter-te na minha vida para poderes dar a luz mais honesta que conheço à minha mente por vezes descontrolada, e como o Rui Veloso canta e bem, todos nós temos o lado lunar e é esse que nos mantem unidas.  



Bem, deixando a imaginação à parte, nós duas sabemos que a distância é uma porcaria e que o nosso maior desejo era estar uma ao lado da outra, principalmente nestes dias, mesmo a discutir uma com a outra a presença física é algo que não podemos substituir. Ah, como eu gostava! acho que ninguém consegue imaginar a minha vontade de estar perto de ti nestes dois dias para te poder abraçar e mimar como tu mereces!


Mas não quero tristezas para este dia, porque é o teu dia!  Quero que celebres mais uma ano de conhecimento, de vida, de momentos, de pessoas novas, de sentidos e sentimentos! Mais um ano em que a flor renasce e tem oportunidade de sonhar o que ela desejar e de ser quem ela quiser, pois a maturidade e os caminhos da vida dão-te carta branca para isso !


Mãe, podia ficar a noite toda a escrever-te uma carta de parabéns, mas tu sabes que o meu sentimento é muito mais que isto! Por isso vá, compra um bom vinho ou um gin tónico, um bolo ou um queque, como preferires e celebra o dia em que a mais bela flor nasceu para ser a luz de uma aprendiz.



Amo-te com todas as minhas forças, ontem, hoje e para sempre com abraços de mil emoções despertas e beijos de mil sorrisos de choro.




Da tua filha que te ama, 
Bárbara Luís

Share this:

2 comentários:

  1. Obrigada PRINCESA...não tenho palavras para descrever o que senti ao ler a "tua carta"...mas, sim...a emoção é mais forte que a razão...e não haverá distância nenhuma que nos separe por segundos. A saudade magoa, dói...atinge lá bem no fundo da alma, mas...a vida tem destas coisas, tem agruras...e opções...Um dia, um dia que espero não tarde a chegar haverá lugar para "matar" todas as saudades com um abraço infinto. BJS;MIL

    ResponderEliminar